Pesquisar neste blogue

julho 07, 2007

Tulipa

Família: Liliaceae
Nome comum: Tulipa
Outras variedades: Existem muitas variedades.

Descrição: Existem inúmeras espécies de Tulipas, de cores e feitios para todos os gostos. Muitas delas são variedades cultivadas em laboratório a partir de exemplares simples. As Tulipas são bolbos que duram vários anos quando tratados adequadamente e cada bolbo produz em regra uma única flor no início da Primavera. As flores têm a forma de um sino invertido e possuem regra geral sete pétalas, mas podem existir Tulipas com pétalas dobradas, em forma de estrela ou com riscas de mais de uma cor. Existe um acordo internacional que classifica e caracteriza todas as Túlipas conhecidas e registadas no “Registo Internacional e Lista Classificada dos nomes de Tulipas”, publicado na Holanda pelo Real Associação dos Produtores de Bolbos.

Origem: As espécies originais são provenientes da Europa e da Ásia, sobretudo das regiões de clima temperado. Dão-se bem em zonas com Invernos frios e Verões secos, e desenvolvem-se bem em solos pouco ricos.

Cultura:
O cultivo das Tulipas é um pouco mais difícil do que os outros bolbos de Primavera. Não suportam a concorrência de outras plantas no mesmo canteiro. Se o solo for excessivamente acido, deve ser neutralizado com cal. Não deve plantar-se Tulipas no mesmo local por mais de 2 ou 3 anos seguidos, para não esgotar o solo.



Luz: Apreciam o sol intenso e desenvolvem-se melhor quando orientadas para sul. Contudo, nas zonas 7 a 10, devem proteger-se com alguma sombra ou pelo menos com sombra a meio do dia, quando o sol está mais forte.
Humidade: O solo deve ser bem drenado mas com capacidade para reter alguma humidade nos períodos mais secos de crescimento na Primavera. Se for necessário regar não molhe as folhas. Mantenha os bolbos secos durante os meses de Verão e Inverno.
Resistência: Gosta de frio e dá-se bem nas zonas 4 - 10.
Propagação: É necessário plantar os bolbos de Tulipas no fim do Outono, para que possam florir na Primavera seguinte. Não devem ser colocados no solo muito cedo porque o calor incita-os ao desenvolvimento precoce e os bolbos necessitam de um período de frio para desabrocharem convenientemente. Se pelo contrário forem plantados muito tarde não terão tempo para desenvolver adequadamente o sistema de raízes. O fim do Outono é o período ideal.
Os bolbos à venda nas lojas da especialidade devem ser comprados no fim do Verão e por precaução confirme se estão velhos ou rijos e bem constituídos. Devem ser sujeitos a um período prévio de refrigeração dentro do frigorífico durante 6 a 8 semanas e só depois plantados a uma profundidade de 15-20 cm, ou no máximo 30.5 cm se se pretender deixá-los posteriormente no solo de um ano para o outro. Espace os bolbos entre si a uma distância de 20 cm. Após a floração, assim que as folhas começarem a amarelecer mas antes de se tornarem castanhas, levante os bolbos das Tulipas com cuidado para não os ferir e guarde-os em papel de jornal, durante todo o Verão, em local seco e fresco onde se manterão em condições de ser utilizados no jardim ao longo de várias épocas. Os bolbos maduros produzem por vezes “filhos” que podem ser separados do bolbo principal e plantados na época própria embora não devam florir logo na estação seguinte.
Fertilização: Espalhe um fertilizante à base de potássio e fósforo logo após enterrar os bolbos, e reforce a dose no fim do Inverno, mas com baixo nível de nitrogénio para conter a produção de folhagem verde e evitar as doenças por fungos. É recomendada a utilização de farinha de ossos e de superfosfato.

Aplicações:
Plante em vasos rectangulares, em canteiros e floreiras ou no jardim no meio da relva. As Tulipas sobressaem se forem plantadas em grandes quantidades da mesma cor ou de cores complementares no mesmo conjunto, nunca isoladas pois não se distinguem. Plante grupos de 20 ou 30 bolbos da mesma cor e verá o efeito surpreendente que farão quando florirem na Primavera. São das primeiras plantas a florir no ano e por essa razão constituem o primeiro sinal da Primavera. Duram até fins de Maio.
É possível forçar a floração de uma Tulipa: no Outono e no início do Inverno plante 5 ou 6 bolbos num vaso com 15 cm e cubra ligeiramente com terra fina. Guarde 6 a 10 semanas num local frio e arejado para que os bolbos ganhem raízes e nessa altura mude o vaso para um local mais quente, a fim de que a planta se desenvolva. Logo que se inicie o processo de floração, o vaso pode ser trazido para o local definitivo, a sala ou outra divisão onde permanecerá até desabrochar totalmente. Estes bolbos forçados em regra não voltam a florir.

Características: A comercialização de Tulipas é, como é conhecido, uma das maiores indústrias mundiais com relevância para a Holanda, que produz mais de 3 biliões de bolbos anualmente, dos quais uma parte é destinada à produção de flores cortadas, enquanto a maior parte constituí um importante produto de exportação para todo o mundo sob a forma de bolbos.

07-07-2007

9 comentários:

  1. Valentino Menegatti3:35 da tarde

    Gostaria de saber onde posso encontrar os bolbos para formar o meu jardim.
    Grato pela atenção.
    Valentino

    ResponderEliminar
  2. bom dia, eu queria saber pois, estou com umas raizes que na verdade parecem batatas de tulipas que usei em uma mesa dia 10 de dezembro/2011 e recebi a missão de cultivAR E NÃO SEI O QUE FAZER PARA MIM É TUDO NOVIDADE PODE ME AJUDAR. EU COLOQUEI AS RAIZES NO CONGELADOR SERÁ QUE AINDA CONSIGO SALVA-LAS SE POSSIVEL ME RESPONDA POR EMAIL : paty_sillva@hotmail.com
    obrigadaaaa
    Patricia

    ResponderEliminar
  3. Deviam de acrescentar mais promenóres.

    ResponderEliminar
  4. Adorei conhecer o site. Foi de grande ajuda.
    Obrigada.

    ResponderEliminar
  5. fiquei a saber como guardar os bolbos
    obrigado

    ResponderEliminar
  6. Bom dia!!!
    No fim do ano ganhei uns bulbos de tulipa,guardei-os na geladeiraGaveta de legumes,aguardando o outono para planta-los. Lendo o artigo acima, a respeito do solo,diz que o solo não deve ser ácido, mas como eu posso saber se o solo é ácido ou não? Estou precisando de orientação tb. de como cuidar das tulipas que recebi de presente no meu aniversário,para conserva-las lindas e vermelhas. Se possível gostaría de receber a resposta por email:glauciarj2005@yahoo.com.br.Sem mais agradeço a atenção

    ResponderEliminar
  7. Quando o bolbo floresce em vaso e quando fica sem flor pode plantar-se o bolbo em terra para ficar de um ano para o outro ? Ou é sempre preciso retirar o bolbo e guarda-lo em lugar seco até à proxima estacao ?? Obr isabel

    ResponderEliminar
  8. Quando os bolbos florescem em vaso, pode-se depois de florescer plantar-se em terra mais profundamente para deixar de um ano para o outro, ou é preciso retirar os bolbos e guarda-los em sitio seco para voltar a plantar no outono ?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá! Sim, pode transferir o bolbo para o solo ou deixar no mesmo vaso, em local fresco e escuro. Se puser no jardim a profundidade é de cerca do dobro do diâmetro do bolbo, em regra 10 a 15 cms. Atenção à parte que tem raiz e fica para baixo, claro. No próximo ano deve florir, se não tiver sido sujeito no viveiro onde o comprou ao processo de forçar a flor como explico no post acima. Obrigada pela visita, volte sempre.

      Eliminar